quinta-feira, 19 de março de 2015

Ser artesão... Um presente gracioso de Deus!


Hoje, 19 de março, é o dia destinado ao artesão. Em todo lugar e, sobretudo nas redes sociais, encontramos pessoas celebrando e homenageando das mais diversas formas. É uma festa! E, tem mesmo que ser.
Mas, será que nós artesãos refletimos que este dom, assim como todos os demais, vem de Deus? 
Percebo, com profunda tristeza, um engrandecimento exacerbado em alguns colegas, alardeados em muitas publicações e, fico me indagando sobre a possibilidade deles ponderarem sobre o fato de que, esta maravilhosa habilidade, não é fruto de esforço próprio, nem algum mérito, mas provém da generosidade de Deus, que capacita cada um, como quer.


Para mim, é tão gratificante perceber que, com alguns retalhos, linhas, agulhas e outros componentes semelhantes, posso imaginar algo, desenhar, riscar, cortar, costurar e construir uma obra que encanta e promove alegria nos outros!! É, simplesmente, prazeroso! Não tem preço...
Nestes dias, tenho enfrentado alguns probleminhas de saúde que vêm me impedindo de confeccionar meus produtos com a mesma desenvoltura de antes. O material, bem diversificado em minha volta, me leva a imaginar um punhado de possibilidades: Bonecas e bonecos com estruturas e acabamentos dos mais diversos; artigos utilitários para casa/cozinha, com detalhes inusitados; projetos para casamento, maternidade, decoração de festas, enfim... Mas, falta vigor físico para executar! Dependo, exclusivamente, do SENHOR para colocar todas as habilidades que ele me deu, em execução. Sou NADA sem ELE!
Que venhamos a refletir sobre isso: Dependência de Deus! Não há nada que façamos, em qualquer área profissional, e isto se estende em todas as outras áreas também, que não dependa única e exclusivamente, da graça de Deus. É Ele quem nos dá habilidades/inteligência e nos concede saúde para executá-las. Temos que ser gratos e humildes, sempre. Reconhecer nossa fragilidade!
Um Feliz Dia Do Artesão, mas com reflexão!